18 de janeiro de 2011

LAGARTA-DO-COQUEIRO

      Brassolis sophorae e B. astyra, são borboletas, têm hábito crepuscular e durante o dia escondem-se nas próprias plantas hospedeiras ou em outras plantas. Vivem em toda extensão da América do Sul, possivelmente porque a região é mais rica em palmeiras.
       Os ovos são colocados em grupo, em número que pode ultrapassar a 200, na face inferior dos folíolos, e às vezes, sobre os frutos e no estipe; o período de incubação dos ovos varia de 20-25 dias. As lagartas apresentam comportamento gregário e têm hábito noturno, abrigando-se em casulo (um ou mais) que tecem unindo os folíolos com fios de seda; ciclo larval em torno de 150 dias. Terminada a fase de lagarta (em torno de 150 dias) abandonam a planta hospedeira, ocasião em que é comum encontrá-las em grande número pelas calçadas e gramados em busca de um local como paredes, muros e mesmo árvores onde se fixam e crisalidam. A fase de crisálida pode variar de 15 a 20 dias, findo os quais eclodem os adultos.
                     Fonte: www.portalsaofrancisco.com.br



      

      Essas lagartas são inofensivas, não possuem pelos urticantes, portanto não causam queimaduras ou "cobreiros" como dizem na crendice popular.

       Um imenso número de pessoas as consideram pragas, pois durante a fase em que estão na forma de lagartas, se alimentam das folhas de coqueiros e palmeiras. Entretanto, devemos lembrar sempre que na natureza, todos os seres vivos precisam alimentar-se e nesse processo outro ser vivo será consumido.

       Nós, seres humanos somos os organismos que fazem o "maior estrago" na natureza, em função de nossa alimentação: criamos gado bovino, suíno, ovino, entre outros, que aumentam os níveis de carbono e contribuem para o aquecimento global, além de acabarmos predando nossas criações; desmatamos e queimamos extensas áreas de mata nativa para utilizarmos como lavoura, a fim de plantar nosso alimento; nas lavouras utilizamos os mais diversos tipos de inseticidas e outros agrotóxicos, que certamente destruíram inúmeras espécies e poluíram o solo e as fontes de água. Nem continuarei citando, por que é uma infinidade de ações que prejudicam o meio ambiente... desvio de cursos d´água, irrigação, poluição das indústrias alimentícias... Tudo isso só na alimentação! Imagine no resto de nossas necessidades básicas...

       Certamente, o forrageio destas lagartas, não traz danos tão grandes quanto os nossos ao meio ambiente. Por que elas teríam menos direito a alimentar-se? Algumas folhas devoradas e galhos caídos não se comparam a poluição, desmatamento, queimadas, tráfico e morte de animais...

       E ainda, essas belas borboletas são polinizadoras, ou seja, garantem que as plantas produzam frutos e consequentemente através das sementes, novas espécies vegetais venham a existir. Sem o papel polinizador de borboletas, abelhas, morcegos, etc, não teríamos frutos (que gostamos tanto de comer) e nem novas plantas.

       Lagartas são bebês-borboleta! Pensem dessa maneira e reflitam um pouco: Se Deus, em sua sabedoria criou todos e cada ser, certamente foi com um propósito! E quem somos nós para questionarmos ou eliminarmos essas criaturas?

      

14 comentários:

  1. Olá Daniela
    Muito bom o teu Blog!
    Vc possui um excelente material para pesquisas escolares.
    Vou te indicar na minha escola.

    Abraços,
    Tatiana

    ResponderExcluir
  2. Olá Daniela, parabéns pelo seu blog, gostei bastante.
    Concordo com vcque devemos respeitar as lagartas e não tratá-las como praga.
    Todo mundo gosta da borboleta, mas preferem ignorar a fase de lagarta.
    Esse bicho-homem realmente é complicado!
    Aparece no BioMomento para me fazer uma visita.
    Camila

    ResponderExcluir
  3. ola Daniela, Blog interessante.
    voce por acaso conheceria um tipo de lagarta laranja com listras avermelhas e que em baixo e azul?
    voce sabe o nome dela?
    se voce souber poste no seu Blog que concerteza eu irei conferir.
    raquel

    ResponderExcluir
  4. se vc gosta da lagarta...blz....mas eu quero o coco...e elas alem de deixarem a planta peladinha inviabilizam que o coqueiro produza...de que me adianta ter um coqueiro em casa que não tera folhas e nem produzira cocos....

    ResponderExcluir
  5. Oi Daniela,

    Gostei das informações. Estou a procura de informações da lagarta verde...um bem grossa com pontilhos claros... e ela é enorme e roliça... estou arrepiada até agora... continuarei navegando para saber se ela é inofensiva, pois achei uma no meu jardim, e depois ela sumiu...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  6. Oi Daniele,

    Gostei muito da postagem apesar de estar navegando à procura de informações sobre uma largata verde, roliça e com pontilhados branco; achei uma no meu jardim e ela sumiu depois que terminei de aguar as plantas! Mas, lendo aquí sua postagem me lembrei que um dia no meu padrão de água, eu ví uma cortina dessas largatas de coqueiro subindo parede acima. Realmente, eu tinha um pé de coqueiro perto que media uns 5 metros de altura... Menina, eu fiquei tão arrepiada com a cena, rs! Corrí para pegar informações por telefone com alguém que entendesse, e depois voltei lá... Só que, elas desapareceram todas! Que mistério! Mas meu namorado, entendido do assunto, disse que é coisa da natureza, que eu não me preocupasse!
    Continuarei agora navegando para saber sobre a verde, se é venenosa!

    Beijos!
    Marciene

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marciene, pela descrição que vc deu acredito que seja a lagarta-verde-do-coqueiro, que também é inofensiva, vou pesquisar umas imagens sobre ela e postar no blog, daí vc olha e comenta se é a mesma. Bjs

      Excluir
  7. Oi Daniela,

    Gostei das informações. Estou a procura de informações da lagarta verde...um bem grossa com pontilhos claros... e ela é enorme e roliça... estou arrepiada até agora... continuarei navegando para saber se ela é inofensiva, pois achei uma no meu jardim, e depois ela sumiu...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  8. Olá Daniela...
    Gostei muito do seu blog pois no mesmo pude tirar minhas dúvidas ... Gostaria de saber se você pode falar um pouco sobre a Helicoverpa tenho muitas dúvidas sobre a mesma...Aguardo sua resposta!!!
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deisiane, não tenho conhecimento sobre está lagarta, mas pesquisarei e postarei no blog. A princípio pela pesquisa que já fiz, ela tem pelos urticantes e é considerada praga agrícola, tem algumas informações no site da EMBRAPA. Bjs

      Excluir
  9. Por sugestão da Deisiane e da Marciene:

    http://dani-teiadavida.blogspot.com.br/2013/11/lagarta-verde-opsiphanes-sp.html

    http://dani-teiadavida.blogspot.com.br/2013/11/lagarta-helicoverpa.html

    ResponderExcluir
  10. Lagartas não são bebês borboletas. Borboleta é que são lagartas disfarçadas.

    ResponderExcluir
  11. Amei!! Concordo com vc!!!! Amo lagartas e gosto de cuidar delas, são mt lindas msm.. pra ser sincera eu prefiro as lagartas do que as borboletas rsrsrsrs, vivo procurando elas e levando para eu alimenta-las e cuidar delas até fazerem seu casulo e voarem como lindas borboletas Ent eu as solto para voarem rs.. um abraço para vc! ~Júlia

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Então, não deixe de comentar: