26 de março de 2015

<iframe src="http://www.ligadasflorestas.org.br/widgets/embed-form?embeded=true&referer=1234514&theme=blue" width="300px" height="417px"></iframe>

20 de março de 2015

EVITANDO O DESPERDÍCIO DE ALIMENTOS


Evitar o desperdício de alimentos em casa é uma maneira de consumir recursos com consciência, além de ser um hábito que faz bem ao bolso. Planejar as refeições com antecedência e aproveitar por completo frutas, verduras e legumes é a melhor forma de não jogar comida fora. A seguir, selecionamos algumas dicas para ajudar você e sua família a consumir os alimentos sem desperdício.


Desperdício de comida é assunto sério


Você sabia que quase metade de toda comida produzida no mundo acaba indo para a lixeira sem ser consumida? Pois é, o assunto é sério! E por incrível que pareça, a maior parte do desperdício de alimentos acontece dentro da nossa própria casa.

Além de se preocupar em economizar energia e água, como consumidores conscientes, devemos ter atitudes sustentáveis também em relação aos nossos hábitos de consumo alimentar. Evitar o desperdício de comida não é difícil, apenas requer planejamento e algumas táticas. Vamos às dicas!
Como evitar o desperdício de alimentos

Uma boa dica para não desperdiçar comida é evitar estoques. Portanto, antes de sair às compras, crie o hábito de conferir a geladeira e a dispensa para comprar somente aquilo que você precisa, sem cometer exageros.

Outra alternativa para evitar o desperdício de alimentos, é criar um cardápio semanal e fazer a despesa com base no que a família irá consumir no dia a dia. Dedique a despesa mensal ao produtos não perecíveis e deixe para comprar os produtos frescos semanalmente. Assim fica mais fácil se planejar e você evita jogar comida fora.

Com organização também há como evitar o desperdício de alimentos. Durante a semana, procure arrumar a geladeira deixando à vista os itens que precisam ser consumidos primeiro, como carnes, frios e hortaliças. Ao fazer isso, você impede o desperdício de comida só porque alguns alimentos ou sobras ficaram esquecidos no fundo do refrigerador e acabaram estragando.

E não se esqueça, quando não é a gente que organiza a geladeira fica mais difícil encontrar os ingredientes. Por isso, se você tem uma ajudante em casa, crie o hábito de deixar anotações sobre as comidas que estão para vencer.

Fazer uso de vasilhas, saquinhos transparentes ou ainda etiquetas também ajuda a identificar os alimentos com maior facilidade e evitar o desperdício de comida.


Evite o desperdício de alimentos reaproveitando frutas e vegetais


Cascas, talos e folhas das frutas e vegetais não precisam ser desperdiçados. Muito pelo contrário, estas partes dos alimentos são ricas em vitaminas e minerais e podem se transformar em acompanhamentos nutritivos e saudáveis para as refeições.

Por exemplo, evite o desperdício de comida refogando o talinho da beterraba, agrião, cenoura ou couve. As cascas das frutas também podem ser utilizadas no preparo de doces, bolos e tortas. Uma ótima ideia é triturar as cascas das frutas cítricas e adicioná-las ao azeite para dar um toque especial aos molhos e saladas.

Lembre-se, não é só na cozinha que você pode usar as sobras dos alimentos. A casca de limão pode ser usada para limpar as manchas escurecidas da chaleira, enquanto a de laranja serve de repelente natural para espantar insetos como mosquitos e traças.


Cozinhar sem desperdício de comida: sugestões para as sobras


É claro que algumas sobras não precisam ir para a lixeira! Com alguns temperinhos e outros ingredientes adicionais, é possível evitar o desperdício de comida transformando as sobras em quitutes e pratos deliciosos. Veja só:

Feijão: pode se transformar em uma sopa ou tutu.
Arroz: fica ótimo na canja ou como bolinho de arroz
Pão: pode virar torradas, pudim, farinha de rosca ou ainda uma saborosa rabanada
Carnes: desfiadas podem ser uma excelente adição aos risotos, omeletes e sanduíches.
Frutas maduras: perfeitas no preparo de vitaminas, sucos, compotas, geleias, doces e bolos variados.


4 de fevereiro de 2015

JOGOS QUE MOSTRAM A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA

Jogo da Água: neste jogo da Câmara dos Deputados, os pequenos precisam encontrar soluções para oito situações que podem causar o desperdício de água, como escovar os dentes e lavar roupas. Ao escolher a melhor forma de lidar com problemas do dia a dia, eles aprendem novas maneiras de economizar água.

Patrulha Gota D’Água: as crianças ajudam o Super H2O a acabar com o desperdício e aprendem mais sobre a importância da água. Neste jogo do Clubinho Sabesp, as crianças precisam recolher as gotas desperdiçadas pela cidade e fugir dos vilões Ratantan e Dr. Gastão. Os menorezinhos vão adorar a aventura!

Água em Jogo: este game é perfeito para os adolescentes. O desafio é evitar o racionamento de água para a população. Com uma interface bastante realista, o mais bacana é que o jogo da Agência Nacional de Águas (ANA) conta com eventos naturais inesperados, como inundações e períodos de estiagem, além de indicadores e ferramentas reais de fiscalização.


3 de fevereiro de 2015

VITAMINA D


ATIVIDADES DIVERSAS SOBRE SERES VIVOS










A TERRA - O LUGAR DE TODOS

A Terra – o lugar de todos


A Terra é o único planeta do Sistema Solar que possui seres vivos (plantas, animais, seres humanos e os microorganismos).
Na Terra, todos os seres vivos estão mergulhados em uma “casquinha” de ar. É a atmosfera, uma fina camada de ar (mistura de gases) que envolve a Terra. O oxigênio, um dos gases que forma o ar, é indispensável para a respiração dos seres vivos.
A crosta terrestre, sobre a qual vivemos, é uma fina camada sólida que se apóia em rochas derretidas e viscosas, situadas logo abaixo dela. O solo onde plantamos é uma camada ainda mais fininha na superfície da crosta terrestre; porém a maior parte da superfície terrestre é coberta por uma fina camada de água (rios, lagos, mares, oceanos).
Só existe vida na Terra, porque o Sol fornece energia (luz e calor), que é fundamental para o desenvolvimento de todos os seres vivos, para o ciclo da água e, principalmente para a sobrevivência das plantas que utilizam a luz solar para realizar a fotossíntese, na qual produzem seu próprio alimento e liberam oxigênio para respirarmos.
Portanto, no planeta Terra, apenas em uma fina camada é que existe vida, ou seja, a biosfera (esfera em que há vida).
Na biosfera ocorre uma grande biodiversidade, isso quer dizer que há uma grande quantidade de seres vivos diferentes.
Mesmo sendo tão pequena, a Terra é a morada do homem e dos demais seres vivos. Dela retira-se tudo que é preciso para viver!
Tudo volta para a Terra quando os seres vivos morrem, é um contínuo ciclo; nada se cria, nada se perde, tudo se transforma. Por isso, é importantíssimo preservar o planeta, pois é a única casa que temos!



1. Escreva cinco atitudes que as pessoas podem ter para que a Terra seja um lugar cada vez melhor.

2. Sem a luz do Sol não existiria vida na Terra. Por quê?

3. Será que a vida na Terra seria possível sem água e sem ar? Explique.

4. O que é atmosfera?

5. O que é biosfera?

6. Por que dizemos que na natureza tudo é um ciclo contínuo? Dê um exemplo.




OS ANIMAIS PRECISAM DE ÁGUA




EXERCÍCIOS DIVERSOS DE BIOLOGIA - REVISÃO